Sabendo a hora de pedir ajuda


Segunda, 10 de Julho de 2017
Dia do ano: 191
Devocional número 054

Nenhuma pessoa neste mundo pode dizer que é tão forte que nunca precise da ajuda de uma outra pessoa. Na verdade Deus nos fez fracos, vasos de barro, para aprendermos a lição da humildade. Pelo menos para ver se aprendemos não é mesmo? Sei que não é fácil para o homem se dobrar e ser humilde, mas realmente uma dificuldade em nossa vida, a qual não conseguimos vencer sozinhos, pode realmente nos ajudar neste quesito. Eu gostaria de dizer que todos nós gostamos de dar uma de valentões, e encher o peito de ar quente dizendo "deixa comigo, eu me viro". Mas não é bem assim que funcionam as coisas, e eu vou te dar o exemplo do Senhor Jesus!

Quando o Nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo, o único homem perfeito e que nunca pecou, quando ele esteve aqui neste mundo todos nós sabemos que o Senhor veio com uma missão divina, redimir os homens das suas culpas e pecados reconciliando a humanidade com Deus. Esta missão lhe custaria a vida, e então podemos dizer que o Senhor nasceu para morrer. Cumprir a sua missão lhe custaria a vida. O Senhor Jesus sempre foi perfeito, humilde, e todos sabemos que ele possui todo o poder e autoridade tanto nos céus quanto na terra. Poderíamos lembrar as palavras do Senhor quando antes da cruz lembrou seus discípulos que se ele clamasse naquele momento o Pai enviaria mais de doze legiões de anjos para lutar ao seu favor. Não era por falta de poder ou por fraqueza que o Senhor estava sendo preso e injustamente condenado, era o mais puro e sublime amor.

Neste momento um acontecimento chocante toma o seu lugar, o Mestre, o Deus que criou tudo, fadigado pelas surras, humilhações, falta de sono e alimento, e por ter que forçadamente carregar a sua cruz por longos passos, simplesmente fraqueja a tal ponto que é incapaz de continuar a caminhada! Sim, o corpo do Senhor já havia chegado ao limite, ele já não era mais capaz de carregar a cruz! Mas o Pai em seu conselho insondável usa um dos mais improváveis instrumentos para ajudar o Seu Filho a concluir a sua missão, um certo Simão, Cirineu, é constrangido a carregar a cruz do Senhor, e assim o Senhor poderia morrer pelos nossos pecados! Jesus aceitou ser ajudado! Deus, o Pai, usou justamente um homem pecador para ajudar o Seu Filho Perfeito, a concluir a sua missão de Salvação da humanidade pecadora! Esta reflexão é rica demais, e profunda demais, como eu a queria ter escrito antes, mas tudo tem o seu tempo!

O Senhor soube que aquela hora era a hora de ser ajudado, ainda que Ele sozinho tem a glória merecida de ser o Salvador (e não há outro, não, não há!), mas ainda assim, é o Salvador, humilde, aceitou ajuda em sua fraqueza. Por que nós não aceitaríamos? Sim, para tudo há um tempo, há tempo de caminhar sozinho, e há tempo de ser ajudado. Há tempo de carregar, e há tempo de ser carregado. Há tempo de aceitar ajuda, e há tempo de afastar-se de ajudar. Nada melhor para quebrar um coração orgulhoso do que estar numa situação em que precisamos ser ajudados. Ah, como isso nos ajuda! Nos ajuda a reconhecer nossas fraquezas, limitações, nos faz melhores, mais humildes, mais misericordiosos! Saiba que tem a hora certa de receber, de pedir, e de rejeitar uma ajuda! Tem também as pessoas certas que Deus mesmo preparou para nos ajudar! Por favor, não vá nas erradas, pois no desespero, e para aqueles que estão ainda mais acostumados ir buscar ajuda no homem e não em Deus, é fácil demais chegar na pessoa errada!

Que o Senhor seja o nosso socorro, seja invisível, seja através de mãos humanas, nos ajude a carregar a nossa cruz até o fim!

Queremos aceitar a sua ajuda ó Deus, quando não pudermos mais, o Senhor nos ajudará, pois segundo as escrituras, para os céus, todos os escolhidos irão "carregados por anjos"!

E, quando saíam, encontraram um homem cireneu, chamado Simão, a quem constrangeram a levar a sua cruz. Mateus 27:32

Altar de Arrependimento.
Share on Google Plus

Sobre Altar de Arrependimento

Nosso intuito é pregar o Evangelho de Jesus Cristo gratuitamente, sem pedir ofertas, sem falar em dinheiro, levando o conhecimento de Cristo a todos de graça e pela graça que nos foi dada pela Cruz e pelo Sangue do Nosso Senhor Jesus. Nosso foco é preparar o caminho, preparar um povo para a volta do Senhor Jesus em Arrependimento e Santidade pelo Poder do Espírito Santo de Deus, para a Glória de Jesus e do Pai em Seu Filho Amado a quem nós também amamos, recebemos e ouvimos como Único Deus Senhor e Salvador.