Há esperança para vasilhas vazias?


Terça, 18 de Julho de 2017
Dia do ano: 199
Devocional número 062


"Então disse ele: Vai, pede emprestadas, de todos os teus vizinhos, vasilhas vazias, não poucas." 2 Reis 4:3

O milagre da multiplicação do azeite aconteceu no antigo testamento em uma situação muito desesperadora e na vida de uma viúva muito pobre. De tão pobre que era seus dois filhos iriam ser levados como servos (escravos) para quitar a sua dívida. Foi justamente em meio a tudo isso que ela encontrou a Palavra do Senhor, e Eliseu lhe disse para tomar vasilhas com seus vizinhos, vasilhas vazias, não poucas. Ela foi e fez como ordenado, e da casa desta mulher muito pobre, da sua única botija de azeite, a única coisa que ela tinha em casa era uma botija de azeite, mas dali foi, que pela palavra do Senhor, o azeite então começou a multiplicar.

O azeite é um símbolo do Espírito Santo.

Na bíblia nós temos uma outra passagem, a parábola do fariseu e do publicano. Os dois foram orar, e o fariseu, cheio de si mesmo, e comparando-se ao publicano, desprezou este achando-se justo. Cometeu um grande erro, não se mede a nossa justiça através da injustiça dos outros, o padrão de Deus é Cristo. O publicano também foi orar, mas comparando-se a Cristo, chegou vazio diante de Deus, nada tendo a oferecer, mas clamando por misericórdia. A pergunta que todos sabemos a resposta: Qual dos vasos o Senhor encheu de azeite?

É claro que o Senhor encheu o vaso vazio! O vaso cheio de si mesmo não pode ser cheio! Mas o vaso vazio, seco, este transbordou! O vaso que estava vazio pedia para ser cheio, pedia misericórdia, mas o vaso que se achava cheio, este era na verdade vazio.

Deus continua chamando "tragam-me os vasos vazios"!

Você é um vaso vazio? Se sente seco? O Senhor está buscando  por vasilhas vazias!

Altar de Arrependimento.
Share on Google Plus

Sobre Altar de Arrependimento

Nosso intuito é pregar o Evangelho de Jesus Cristo gratuitamente, sem pedir ofertas, sem falar em dinheiro, levando o conhecimento de Cristo a todos de graça e pela graça que nos foi dada pela Cruz e pelo Sangue do Nosso Senhor Jesus. Nosso foco é preparar o caminho, preparar um povo para a volta do Senhor Jesus em Arrependimento e Santidade pelo Poder do Espírito Santo de Deus, para a Glória de Jesus e do Pai em Seu Filho Amado a quem nós também amamos, recebemos e ouvimos como Único Deus Senhor e Salvador.