Encontros com Deus


Quarta, 19 de Julho de 2017
Dia do ano: 200
Devocional número 063

Um dia eu quis me isolar de tudo e de todos e viver em meditação e contemplação, isoladamente, para poder encontrar a Deus. O Senhor então me mandou ir para o meio das pessoas, e conviver com elas, e enquanto eu convivia com elas, ali eu encontrei ao Senhor. Então eu quis largar o meu emprego e ir buscar ao Pai apenas no secreto, me contentando com uma vida sem luxos ou prazeres. Mas Deus me mandou trabalhar, e enquanto eu trabalhava em meu emprego, ali eu pude encontrar a Deus. Eu queria não me casar, ser como Paulo, estar "livre" para servir ao Senhor. Mas quando eu casei, então no meu casamento eu encontrei ao Senhor. Eu queria orar e jejuar por quarenta dias seguidos, fechado em alguma mata por ai, para encontrar a Deus. Mas Deus me ordenou que não, que voltasse e fosse ao meu próximo, e simplesmente o amasse e servisse, e enquanto eu amava o meu próximo, eu encontrei ao Senhor. Eu queria pregar a palavra para o mundo inteiro, estava disposto a morrer por Jesus Cristo, e Deus então me mandou ir passear com meu cachorro, e enquanto eu levava ele para passear, ali eu encontrei o Senhor. Eu queria ir para a igreja, para buscar a Deus, mas no caminho para o culto, parei e conversei com uma família que estava na rua, e ali, eu encontrei a Deus. Por onde quer que eu vá, o Senhor disse, não me abandonaria jamais. Andar com Deus é estar sempre encontrando ao Senhor pelo caminho, em toda e qualquer circunstância ou situação da sua vida, você simplesmente sabe, Ele estará lá. Andar com Deus é encontrar ao Senhor até mesmo no silêncio, e nas trevas, nos momentos em que não é possível vê-lo ou senti-lo, ainda assim, saber, que se Ele disse que estaria lá, então Ele certamente está, não importa, eu sei que Ele está. Eu quis encontrar a Deus nos livros de teologia, nas biografias dos grandes homens da história da igreja, e o Senhor me disse para contemplar as crianças, e enquanto eu brincava com um garoto, ali, eu encontrei ao Senhor. Percebi que Deus não tem sido notado no dia a dia do homem, Ele está sempre bem presente, mas nem todos tem um sentido espiritual exercitado pela graça divina para atentar para a realidade da Sua Presença. A Presença de Deus não é um sentimento, ou arrepio, ela é uma realidade que as vezes podemos sentir, as vezes não, as vezes podemos ver, mas as vezes não, mas sempre Ele estará lá. Nas coisas grandes, nas coisas pequenas, situações que não ocorrem por acaso, dia após dia, encontrando a Deus e "vendo" as suas pisadas por onde quer que eu vá, procuro segui-las com alegria, as vezes não consigo, mas não desisto, me esforço para ser melhor a cada dia, suplicando a graça dos céus! Tens me ajudado com certeza, e muito te agradeço Senhor Jesus, por tudo que já fizestes, e por tudo que ainda continua a realizar, e por tudo que ainda realizará. Muito obrigado, por eu poder te encontrar a cada momento do meu dia, e "ver" as tuas pisadas, as quais eu posso seguir em cada situação! Obrigado meu Jesus! Mas muito obrigado, mesmo! Certamente eu te sou grato, e esta gratidão vem de Ti, e esta gratidão, e este coração grato, é o teu coração, é teu, tudo é teu, e eu sou teu também meu Senhor! Acho que finalmente comecei a aprender um pouco a te ver também através das leves e momentâneas tempestades desta vida!

Obrigado Jesus!

Altar de Arrependimento.
Share on Google Plus

Sobre Altar de Arrependimento

Nosso intuito é pregar o Evangelho de Jesus Cristo gratuitamente, sem pedir ofertas, sem falar em dinheiro, levando o conhecimento de Cristo a todos de graça e pela graça que nos foi dada pela Cruz e pelo Sangue do Nosso Senhor Jesus. Nosso foco é preparar o caminho, preparar um povo para a volta do Senhor Jesus em Arrependimento e Santidade pelo Poder do Espírito Santo de Deus, para a Glória de Jesus e do Pai em Seu Filho Amado a quem nós também amamos, recebemos e ouvimos como Único Deus Senhor e Salvador.