Indo além das palavras (Andando na presença)


Segunda, 29 de Maio de 2017
Dia do ano: 149
Devocional número 012

Cuida de não te ocupares tanto com o "ministério" e com a "igreja" que chegues ao ponto em que te esqueças do próprio Deus e da sua verdadeira obra. O que você prefere? Ouvir um sermão a respeito de Deus ou ter um encontro com ele? Ler um texto sobre Jesus ou ter ele vivo dentro de seu coração? Saiba que muitas das nossas chamadas "atividades cristãs" podem se converter em distrações em nossas vidas que nos impeçam de simplesmente chegar até a Deus.

Você pode ouvir uma pregação e mesmo assim não conhecer o Verbo. Você pode escutar um louvor e mesmo assim não adorar em Espírito e Verdade. Você pode ir até um culto mas mesmo assim não estar cultuando em seu coração com a sua vida entregue a Deus. O resumo do que quero falar é que podemos realizar muitas "atividades cristãs" apenas exteriormente, e nos ocuparmos tanto delas, que chegamos ao ponto de se esquecer quem é Jesus, esquecer de andar com ele pelo caminho.

Muitos hoje em dia pensam que a vida com Deus é aquilo vivido em 4 paredes, dentro da igreja, as atividades eclesiásticas, rotinas, preocupações, obrigações e deveres ministeriais. Mas a bíblia diz que nos últimos dias muitos cristãos até estariam sim envolvidos em alguma forma de atividade eclesiástica (de igreja) porém teriam abandonado o seu primeiro amor por Jesus Cristo. Há hoje quem pense que andar com Deus represente apenas ler a bíblia, orar na igreja, ir aos cultos, se trancar no quarto em oração, mas é muito mais do que isso, é andar com Deus por todo o caminho.

Em Lucas 10, na parábola do bom samaritano, nós temos uma situação que é exatamente deste modo. Ali nós temos dois homens religiosos e com aparência religiosa que não conseguiram se compadecer de um outro homem que estava caído porque estavam muito ocupados e preocupados em ir praticar a sua religião, enquanto que um outro homem, que não tinha nenhuma aparência religiosa, simplesmente fez o mais simples, se curvou e moveu-se de íntima compaixão para com o menos favorecido enquanto caminhava, enquanto estava no caminho.

Não permita que o teu senso de obrigação e de dever religioso te impeça de fazer o mais simples gesto de amor para com teu próximo, família, amigos, enfim qualquer um que atravessar o seu caminho! Se a tua religião não te leva a amar o teu próximo, então ela é uma falsa religião!

Nós até temos lido a bíblia, mas será que temos conhecido ao Verbo de Deus Jesus Cristo?

Sejam prudentes.

Altar de Arrependimento.
Share on Google Plus

Sobre Altar de Arrependimento

Um site com mensagens sobre o Evangelho de Jesus Cristo, o qual é a minha recompensa e o que espero ter tanto nesta quanto depois desta vida.